ATRAÇÕES CULTURAIS


 

MELANINA MCS


Integrado exclusivamente por mulheres negras, o Melanina MCs (Afari, Geeh,Lola e Mary Jane) é um grupo de rap que surgiu nas periferias da Grande Vitória em 2012 e atua há quatro anos contribuindo e aprendendo com a cena cultural do estado. A história de formação do grupo reforça a importância de mulheres se reconhecerem umas nas outras nos espaços e traz o debate da representatividade que aparece cada vez mais na conjuntura.

 


ARÁKORIN

Arakorin é um conceito afroperspectivista que pode ser traduzido como corpo que canta.

“Esse o povo quer as cotas como uma reparação / Só quem pode abrir as portas é nossa senhora educação / Que arrebenta as correntes da mente e liberta o cidadão”


SUELY BISPO


Performance "Oxum": a dança, a poesia, a fluidez dos gestos e das palavras, como fluem as águas dos rios da bela e fértil Oxum. A performance que acompanha Suely Bispo há muitos anos passa de tempos em tempos por transformações, numa performance que busca se reinventar a cada apresentação. A ideia é trazer a energia de Oxum, a deusa africana da beleza, da fertilidade, da vaidade e riqueza para o público e também provocar sensações e reflexões sobre o preconceito e discriminação contra as religiões de matriz africana. Além do ES, já foi apresentada na França, no Festival Espírito Mundo, em 2013 e Santo Amaro da Purificação, na Bahia, na programação do Dia Internacional da Mulher.

PROJETO BOCA A BOCA


Realizado desde 2011, se instaura como um ritual de expressão artística e de práticas de educação através do conhecimento firmado no encontro, no diálogo, na troca de saberes e reflexão de informação numa reunião de participantes da cultura Hip Hop.


GLAUCO SILVEIRA


Nascido em Niterói- RJ, teve seu contato com a música aos 7 anos onde tocava percussão e pandeiro. Perdeu a visão aos 9 anos em consequência de um glaucoma e fez da música a saída para os desafios diários. Aos 13 anos começou tocar cavaquinho e nunca mais parou. Participou de vários grupos de pagode fazendo apresentações em sua comunidade. Há 4 anos veio para o ES. As músicas que mais gosta de tocar são aquarela do Brasil de Ari Barroso e Brasileirinho de Valdir Azevedo.


 

PANELA DE BARRO


A banda de congo Panela de Barro foi fundada, em 1938, com o nome de Banda de Congo de Goiabeiras. Na década de 1980, passou a ser coordenada pelo proprietário da fábrica de panelas de barro em Goiabeiras. A tradição popular da banda refere-se às festas para São Benedito, e em alguns locais também a São Sebastião, São Pedro e Nossa Senhora da Penha